30/09/2020 às 09h55min - Atualizada em 30/09/2020 às 09h55min

A arroba do boi gordo apresentou alta semanal de 2,81%, enquanto a da vaca gorda aumentou 2,54%.

O bezerro de ano obteve uma alta de 1,36%, vendido a R$ 1.990,76 em MT e a R$ 2.207,93 no MS

Redação com assessoria
IMEA MT
-
Reposição em alta: em função da oferta restrita de animais de reposição em Mato Grosso, os preços dessas categorias não param de valorizar e, inclusive, bateram recordes nominais nos últimos meses.

Em set/20, os preços do bezerro de ano aumentaram 3,76% em relação a ago/20, enquanto os da bezerra aumentaram 7,59% no mesmo período. No comparativo anual, o incremento foi ainda mais expressivo, de 43,98% e 65,45%, respectivamente.

Já para as outras categorias, as altas mensais foram de +4,22% para o boi magro, +8,25% para o bezerro desmama, +7,09% para a bezerra desmama e +11,67% para o tourinho por exemplo.

É válido pontuar que, em setembro, as negociações em leilões foram bastante aquecidas, o que ajudou a sustentar o cenário de alta. Para o recriador, apesar de esta conjuntura não ser tão favorável assim, os recentes acréscimos da arroba do boi gordo deram uma aliviada na relação de troca boi/bezerro: em set/20 o indicador foi de 1,93 cab./cab., alta mensal de 5,98%. 

• O mercado do boi gordo teve mais uma semana de valorizações expressivas. A arroba do macho apresentou alta semanal de 2,81%, enquanto a da vaca gorda aumentou 2,54%. Assim, os preços médios foram de R$ 230,94/@ e R$ 219,44/@, respectivamente.

• Na semana passada, o bezerro de ano obteve uma alta de 1,36% ante a semana anterior, alcançando um novo recorde nominal: média de R$ 1.990,76/cab.

• A escassez de animais para abate ainda persiste no estado. A escala apresentou variação positiva de apenas 0,02 dia, ficando na média dos 5,99 dias.

• Com variações mais intensas na arroba mato-grossense do que na de São Paulo, o diferencial de base MT-SP ficou em -9,98%, estreitamento de 1,20 p.p. ante a semana anterior.

EM DÓLAR: assim como no mercado interno, para alguns países, a arroba do boi gordo tem seguido em alta. De julho para agosto, as maiores valorizações foram observadas na arroba dos EUA, que subiu 7,75% no período, e da Austrália, que teve alta de 4,81%.

Assim, os preços ficaram em US$ 61,33/@ e US$ 91,58/@, respectivamente. A menor oferta de animais nos dois países tem refletido neste cenário, sobretudo, diante da alta demanda chinesa. Contudo, em termos de competitividade, estes valores, na mesma ordem, são 1,66 e 2,48 vezes acima dos praticados em MT, o que torna mais vantajosos os negócios com o mercado mato-grossense.

Para este mercado, por sua vez, a maior competitividade está com os países próximos, Argentina e Paraguai. Isso porque, mesmo com as altas intensas no mercado brasileiro, os preços estão quase iguais ao de MT. Assim, essa conjuntura pode favorecer a entrada destes animais em alguns estados do Brasil, comprometendo o comércio interestadual de MT. Vale a atenção.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se você é produtor rural, qual a sua principal atividade agrícola?

11.3%
5.2%
8.5%
3.8%
8.5%
31.9%
6.6%
10.8%
3.8%
2.8%
4.2%
2.8%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp