14/08/2020 às 08h05min - Atualizada em 14/08/2020 às 08h05min

Em MT a safra de Soja 20/21, que será semeada a partir do próximo mês, já está com 50,54% do seu volume negociado

E a safra 21/22 já começa a ser negociada, demonstrando a competitividade pelo grão, mesmo aquele que será colhido a daqui 17 meses

Redação com assessoria
IMEA MT
-
Recorde para Mato Grosso! Conforme os dados divulgados pela Secex, os embarques brasileiros da oleaginosa de janeiro a julho de 2020 somaram 69,75 milhões de toneladas, aumento de 36,30% no comparativo com o mesmo período do ano passado.

Mesmo com a crise que abala diversos países, a soja brasileira obteve vantagem competitiva internacional neste ano, influenciada pela alta do dólar, que tornou o produto do país “mais atrativo”. Já em relação a Mato Grosso, foram escoadas 20,51 milhões de toneladas em 2020, valor superior ao de 2019, o que “oficializa” o recorde de exportação da temporada atual.

Além disso, de acordo com a última estimativa do Imea, o estado pode alcançar 22,11 milhões de t exportadas até dezembro. Por fim, destaca-se a importância (e “dependência”) da China, que adquiriu até o momento 72,44% da soja brasileira e 51,52% da oleaginosa mato-grossense em 2020. 

• Com os estoques da soja quase no fim, a demanda aquecida continuou influenciando os preços em MT na última semana, impactando na alta de 4,25% do grão, cotado em média a R$ 110,17/sc.

• O contrato futuro na CME-Group (mar/21) registrou queda de 0,65% na última semana, sofrendo pressões pelo quadro de tensões entre os EUA e a China.

• A demanda intensa pelo grão brasileiro impulsionou o prêmio em Santos-SP na última semana, que na média semanal valorizou 6,49%, cotado a US$ 1,87/bu.

• Motivada pela discussão do pacote de estímulos à economia dos EUA, assim como pelo aumento das tensões dos norte-americanos com a China e pelo corte na Selic no Brasil, a cotação do dólar subiu 3,07% na semana.

ANTECEDENDO AS VENDAS:

A forte demanda interna e externa por soja mato-grossense vem gerando boas oportunidades de negócio ao produtor do estado. Ademais, isso não está ocorrendo apenas para a oleaginosa disponível, que já se encontra com 97,22% da produção vendida.

A safra 20/21, que será semeada a partir do próximo mês, já está com 50,54% do seu volume negociado, sendo praticamente o dobro do percebido no último ano para a safra 19/20. As regiões mais avançadas nas vendas são a norte e médio-norte, as mesmas que estão mais aceleradas em relação à venda da soja disponível.

Ademais, 1,29% da produção esperada para a temporada 21/22 já foi negociada pelos sojicultores de Mato Grosso, o que exemplifica a competitividade pelo grão, mesmo aquele que será colhido a daqui 17 meses!

Por fim, vale salientar que o dólar valorizado tem importante participação no fortalecimento dos preços da soja, o que está incentivando os negócios em MT.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se você é produtor rural, qual a sua principal atividade agrícola?

10.1%
6.0%
8.1%
3.2%
8.5%
30.2%
6.0%
10.9%
5.2%
3.2%
5.6%
2.8%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp