06/08/2020 às 20h09min - Atualizada em 06/08/2020 às 20h09min

Milho: A colheita em MT chegou a 93,55%, e preço apresentou alta de 3,67% chegando a R$49,39/sc

A produtividade média ficou estimada em 107,43 sc/ha

Redação com assessoria
IMEA MT
-
O Imea divulgou a 2° estimativa de oferta e demanda de milho para Mato Grosso. Conforme apresentado, a área e o consumo da safra 2018/19 foram consolidados, apontando estoques finais de apenas 0,01 milhão de t.

Já para a safra 2019/20, acompanhando o aumento da área em relação à safra passada e produtividade, a oferta total ficou estimada em 33,49 milhões de t. Do lado da demanda, o mercado do cereal vem sendo favorecido pelo maior consumo interno, estimado em 10,14 milhões de t, decorrente do crescimento das usinas de etanol.

Além disso, as expectativas das exportações são favoráveis, já que 87,08% da produção de milho já se encontra comercializada e pode atingir 21,10 milhões de t para esta temporada.

Por fim, o relatório estima um consumo interestadual de 2,23 milhões de toneladas, que, junto as demais demandas, resultará nos estoques finais de 0,02 milhão de t da produção. 

• A demanda seguiu aquecida e refletiu nos preços do Indicador Imea na semana passada. Assim, o cereal ficou cotado à média de R$ 35,28/sc, aumento de 6,12% em relação à semana passada.

• Na B3 também houve aumento acompanhando o mercado fisíco, apresentando alta de 3,67% na comparação semanal e ficando cotado na média de R$ 49,39/sc.

• O prêmio do cereal encerrou a semana passada com alta de 11,39%, após forte demanda no porto de Santos.

• A colheita teve menor força na semana passada, refletindo a finalização de algumas áreas do estado. Deste modo, MT ficou com 93,55% da área colhida no período, percentual que representa crescimento de 6,87 p.p. em relação ao último relatório. 

SAFRA MT:

O Imea divulgou a 6° estimativa da safra 2019/20, de milho em Mato Grosso. De acordo com o levantamento, houve bons reportes a respeito das áreas colhidas do estado, contribuindo com uma ligeira elevação na produtividade para a maioria das regiões de MT.

Deste modo, a produtividade média ficou estimada em 107,43 sc/ha, aumento de 0,61% se comparado ao último relatório. Apesar disso, ao comparar com a produtividade da safra 2018/19, que apresentou bons acumulados de chuva e semeadura dentro da janela ideal para o milho, ainda há um recuo de 3,13%.

Com isso, a produção da safra 19/20 apresentou um reajuste, ficando estimada agora em 33,48 milhões de t, crescimento de cerca de 203 mil t ante o relatório passado e 3,16% maior em relação à safra passada, que foi consolidada em 32,45 milhões de t.

Por fim, vale analisar que as estimativas podem vir a se alterar diante do encerramento dos trabalhos a campo dentro do estado, que será capaz de dar maior definição à produtividade das lavouras.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se você é produtor rural, qual a sua principal atividade agrícola?

10.1%
6.0%
8.1%
3.2%
8.5%
30.2%
6.0%
10.9%
5.2%
3.2%
5.6%
2.8%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp