10/06/2020 às 09h19min - Atualizada em 10/06/2020 às 09h19min

ALGODÃO: Retorno parcial de agentes ao mercado sustenta preço da pluma

Redação com assessoria
CEPEA/Esalq
-
Parte dos compradores e dos vendedores tem retomado as negociações envolvendo algodão em pluma neste começo de junho. A liquidez, contudo, tem sido limitada pela disparidade entre os valores ofertados e pedidos e pela baixa disponibilidade de pluma dentro das especificações desejadas.

Além disso, segundo colaboradores do Cepea, algumas indústrias ainda não têm previsão de retorno ao mercado. Como ainda tem sido verificado o carregamento de contratos a termo, parte dos compradores deve continuar abastecida no curto e médio prazos, podendo limitar o avanço da comercialização da pluma neste mês.

Outras empresas se mostram estocadas, seja de matéria-prima ou de produtos acabados. Assim, quando compradores entram no mercado, exercem pressão sobre os valores, mas sem sucesso quando buscam lotes de maior qualidade. Do lado vendedor, agentes permanecem firmes nos valores pedidos para entrega imediata.

Entre 2 e 9 de junho, o Indicador do algodão em pluma CEPEA/ESALQ, com pagamento em 8 dias, subiu ligeiro de 0,12%, fechando a R$ 2,7122/lp nessa terça-feira, 9.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se você é produtor rural, qual a sua principal atividade agrícola?

11.3%
5.2%
8.5%
3.8%
8.5%
31.9%
6.6%
10.8%
3.8%
2.8%
4.2%
2.8%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp