05/05/2022 às 10h36min - Atualizada em 05/05/2022 às 10h36min

Preço do suíno vivo e da carne segue aumentando, liquidez melhora com recuo no preço do milho

Confira aqui a cotação nos estados produtores e também a variação de preços dos principais insumos da atividade

Redação com assessoria
CEPEA/Esalq e Embrapa
-
Os preços do suíno reagiram em parte das praças acompanhadas pelo Cepea entre março e abril, visto que, no último mês, especialmente na segunda quinzena, a liquidez do suíno vivo e da carne aumentou.


Na região SP-5 (Bragança Paulista, Campinas, Piracicaba, São Paulo e Sorocaba), o animal no mercado independente posto no frigorifico teve média de R$ 6,15/kg em abril, alta de 4% frente à de março.


Para a carne, o poder de compra reduzido da maior parte da população brasileira limitou altas mais significativas.


No atacado da Grande São Paulo, também segundo dados do Cepea, a carcaça especial suína registrou média de R$ 8,88/kg em abril, avanço de 2,7% frente à de março.



MILHO E FARELO DE SOJA



Nos mercados de milho e farelo de soja, o último mês foi de recuo nos preços em função de uma maior pressão de venda dos produtores e maior volume de estoque das tradings.


O farelo recuou para o patamar de R$2.800 por tonelada no Paraná e o milho em torno de R$88/saca na praça de Campinas.


A recente valorização cambial também contribuiu para esse arrefecimento nas cotações. Apesar disso, o mercado segue volátil, acompanhando o plantio norte-americano em uma safra de estoques ainda baixos.







 
CONFIRA AS COTAÇÕES 

 
Nesta sexta-feira, 5 de maio, segundo o Cepea, o indicador do suíno vivo segue estável, com isso, em Minas Gerais o suíno vivo está cotado a R$ 6,96 o quilo, posto no frigorífico, alta de 2,5% no mês.


A praça de São paulo tem o suíno vivo cotado a R$ 7,06 o quilo, posto no 
frigorífico.


No Paraná está cotado em R$6,03 o quilo, a retirar na granja, alta de 1,5% no mês.


Em Santa Catarina o preço é de R$5,88 o quilo, a retirar, alta de 1,91% no mês.


No Rio Grande do Sul segue cotado a R$5,75 o quiloalta de 2,13% no mês.
 

Para a carcaça suína especial o preço praticado nesta quinta-feira, é de R$10,15 o quilo, alta de 1,22% no mês de maio.


 
INDICADOR DO SUÍNO VIVO CEPEA/ESALQ (R$/KG)
  ESTADO VALORVISTA VAR./DIA VAR./MÊS
04/05/2022 MG - posto 6,96 -0,14% 2,50%
04/05/2022 PR - a retirar 6,03 0,50% 1,52%
04/05/2022 RS - a retirar 5,75 0,00% 2,13%
04/05/2022 SC - a retirar 5,88 1,03% 1,91%
04/05/2022 SP - posto 7,06 0,14% 0,71%
Fonte: CEPEA

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Disqus exige que voce se registre seu site. Voce pode fazer isso a partir de Registre-se
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp