28/04/2022 às 12h20min - Atualizada em 28/04/2022 às 12h20min

Com preço da carne suína estável e da proteína de frango subindo diferença entre elas é de apenas R$ 0,75/kg

Compeitividade entre carne suína e de frango é a maior em 12 anos. Confira a cotação da carne e do suíno vivo nos estados:

Redação com assessoria
CEPEA/Esalq
-
O valor médio da carcaça especial suína se manteve estável entre março e a parcial de abril (até o dia 26), enquanto os preços da proteína de frango subiram com força. Diante disso, a competitividade da carne suína frente à de origem avícola cresceu no comparativo mensal, registrando o maior patamar desde agosto de 2009.


A carne bovina, por sua vez, registrou pequena desvalorização, o que reduziu levemente a competitividade da proteína suína frente a essa concorrente. No atacado da Grande São Paulo, a carcaça especial suína se valorizou ligeiro 0,2% entre março e a parcial de abril, negociada na média de R$ 8,67/kg neste mês.


Segundo pesquisadores do Cepea, a estabilidade dos preços da carne suína reflete os movimentos opostos na primeira e na segunda quinzenas – enquanto no início do mês o ritmo lento dos negócios pressionou as cotações, na segunda metade do período, o aquecimento das vendas resultou em recuperação dos valores.


Já o frango inteiro resfriado, também vendido no atacado da Grande SP, se valorizou 11,9%, com média de R$ 7,91/kg na parcial de abril. Assim, o preço da carcaça especial suína ficou apenas 75 centavos de Real/kg acima do valor do frango, diferença 52,5% mais estreita que a registrada em março e também a menor em mais de 12 anos. 




- LEIA TAMBÉM:


 Custo de produção dos suínos tem alta de 6,78%



Suinocultura: Com baixo preço da carne e alta no preço do milho a relação de troca já é a pior da história



 
CONFIRA AS COTAÇÕES 

 
 
Nesta sexta-feira, 28, segundo o Cepea, o indicador do suíno vivo segue estável com relação a semana antecedente ao feriado de Tiradentes, com isso em Minas Gerais o suíno vivo está cotado a R$ 6,67 o quilo, posto no frigorífico.


A praça de São paulo tem o suíno vivo cotado a R$ 7 o quilo, posto no 
frigorífico, registrando alta de 29,87% com relação ao início do mês.


No Paraná está cotado em R$5,94 o quilo, a retirar na granja, leve alta de 25,85%.


Em Santa Catarina o preço é de R$5,35 o quilo, a retirar, alta de 23,34%.


No Rio Grande do Sul segue cotado a R$5,48 o quiloalta de 16,22% em abril.



 
INDICADOR DO SUÍNO VIVO CEPEA/ESALQ (R$/KG)
  ESTADO VALOR VISTA VAR./DIA VAR./MÊS
27/04/2022 MG - posto 6,67 0,00% 21,94%
27/04/2022 PR - a retirar 5,94 0,34% 25,85%
27/04/2022 RS - a retirar 5,59 0,00% 16,22%
27/04/2022 SC - a retirar 5,76 0,00% 23,34%
27/04/2022 SP - posto 7,00 0,72% 29,87%
Fonte: CEPEA












Para a carcaça suína especial o preço praticado nesta quinta-feira, 28, é de R$10,04 o quilo, alta de 22,59% no mês de abril.

PREÇOS DA CARCAÇA SUÍNA ESPECIAL (R$/KG)
  MÉDIA VAR./DIA VAR./MÊS
27/04/2022 10,04 0,00% 22,59%
26/04/2022 10,04 3,61% 22,59%
25/04/2022 9,69 2,22% 18,32%
22/04/2022 9,48 0,00% 15,75%
20/04/2022 9,48 0,00% 15,75%
Fonte: CEPEA


 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Disqus exige que voce se registre seu site. Voce pode fazer isso a partir de Registre-se
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp