07/04/2022 às 10h47min - Atualizada em 07/04/2022 às 10h47min

Exportações de carne bovina mantém o preço da arroba em março na casa de US$65,53

A queda na cotação do dólar trouxe leve redução nos negócios no mercado interno na semana. Confira a cotação atual nos estados:

Redação com assessoria
CEPEA/Esalq e IMEA-MT
-
Os embarques de carne bovina in natura registraram desempenho recorde para o mês de março, cenário que seguiu sustentando as cotações do animal para abate.


Em março, foram exportadas 169,41 mil toneladas do produto in natura, um recorde para o mês, com avanços de 6,48% frente ao mês anterior e de 26,6% em relação ao mesmo mês de 2021, segundo dados da Secex.


Quanto ao Indicador CEPEA/B3 (mercado paulista), atingiu, no dia 24 de março, a máxima nominal da série histórica do Cepea, iniciada em 1994, de R$ 352,05.


Neste início de abril, os valores seguem firmes: a elevação do Indicador CEPEA/B3 entre 31 de março e 6 de abril foi de 4,16%, a R$ 336,70.


Segundo o Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária, diante da alta nos preços dos grãos refletida pela guerra, do incremento no custo de produção do pecuarista e da elevada inflação em nível mundial, a cotação da arroba no mercado internacional registrou alta na maioria das praças de análise.


Dentre elas, destacaram-se a Argentina e os EUA, que em fev.22 registraram incremento de 12,03% e 2,94% ante jan.22, respectivamente, no preço da arroba - a qual ficou precificada na média de US$ 63,41 e US$ 83,34, na mesma ordem.


Além disso, em fev.22, no mercado nacional a média Brasil também registrou incremento de 3,14% e ficou na média de US$ 65,53/@.


Porém, a cotação na praça mato-grossense seguiu sentido contrário diante da saída das compras de algumas indústrias, o que fez com que o preço da arroba registrasse queda de 0,15% no mesmo comparativo mensal, e o indicador ficou na média de US$ 58,04/@. 



CONFIRA  AS  COTAÇÕES






O valor médio à vista da arroba do boi gordo (Indicador CEPEA/B3), no dia 6, estado de São Paulo estava cotado em R$ 336,70.



Nesta quinta-feira, 7, em Barretos a arroba do boi gordo estava negociado a R$ 315,00  a vista. A vaca gorda a R$279,50 a arroba.



No Triângulo Mineiro o boi gordo segue estável, sendo cotado a R$ 308,50 a arroba. A vaca gorda está negociada a R$ 264,00.



Já em Mato Grosso do Sul o boi gordo segue a R$ 295,50/@, a vaca gorda a R$ 276,00 a arroba.



A arroba da carne bovina teve leve queda na semana em Mato Grosso, com isso o a arroba do boi gordo segue negociada a R$ 293,50 na média. Para a vaca gorda o preço médio no estado é de R$ 282,50 por arroba.



Na região Oeste do Paraná a R$ 305,50,
 em Santa Catarina os negócios com boi gordo estão sendo realizados a R$ 313,00 por arroba. A vaca gorda segue cotada a R$ 278,50 a arroba.



O bezerro de ano em Mato Grosso segue cotado a R$ 3.350,00 a cabeça e em Mato Grosso do Sul a R$ 2.960,00 .








LEIA TAMBÉM:



Área com sistemas lavoura-pecuária em Mato Grosso ultrapassa 2,6 milhões de hectares




Manejo utiliza sistema de rotação de pastagem para reduzir carrapato-do-boi em 82% sem usar químicos​





Estratégias de manejo de pastagem e de condicionamento da recria na transição acelera a recuperação dos animais




Intensificação do sistema produtivo começa pela escolha do capim





Pecuária é capaz de gerar crédito de carbono com média lotação no pasto

 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Disqus exige que voce se registre seu site. Voce pode fazer isso a partir de Registre-se
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp