21/02/2022 às 09h48min - Atualizada em 21/02/2022 às 09h48min

Custo de produção do frango tem alta de 5,63% em fevereiro

Diante disso o custo de produção no Paraná está em R$5,51 por quilo de ave. Confira aqui a cotação do frango nos estados!

Redação com assessoria
Embrapa Suínos e Aves e Cepea
-

A Embrapa divulgou recentemente que os custos de produção de frangos de corte e de suínos iniciaram 2022 registrando uma forte alta mensal segundo os estudos publicados pela CIAS, a Central de Inteligência de Aves e Suínos da Embrapa (embrapa.br/suinos-e-aves/cias).


Segundo a entidade o ICPFrango subiu 5,63% no mesmo período, chegando aos 426,26 pontos.


 

A alta foi influenciada pela variação de 6,50% nas despesas operacionais com a alimentação dos animais, que representam 82% da alimentação de suínos.

 

Porém do caso específico do ICPFrango, a alta também foi causada principalmente pela influência dos gastos com nutrição (5,13%) e na compra dos pintos de um dia (0,35%).



O custo de produção do quilo do frango de corte vivo no Paraná, produzido em aviário tipo climatizado em pressão positiva, subiu R$ 0,30 em janeiro com relação a dezembro de 2021, chegando aos R$ 5,51.



 

Os estados de Santa Catarina e Paraná são usados como referência nos cálculos por serem os maiores produtores nacionais de suínos e de frangos de corte, respectivamente.

 

COTAÇÃO

 
O frango vivo foi negociado a R$4,90/kg no Paraná nesta sexta-feira, 17, e em Santa Catarina o preço praticado era de R$3,99/kg.


Para o frango congelado segue cotado a R$6,10/kg no estado de São Paulo, uma variação positiva de 3,74% com relação ao dia 1° de fevereiro.






 
Já para o frango abatido e resfriado o preço é de R$6,38/kg, também na praça paulista, a variação positiva é de 9,25% quando comparada com a primeira semana de fevereiro.







 
Já para o frango abatido e resfriado o preço é de R$6,42/kg, também na praça paulista, a variação positiva é de 9,93% quando comparada com a última semana de janeiro.


LEIA TAMBÉM:




Avicultura: A importância da qualidade da água no desempenho dos lotes





Avicultura: Preço do frango vivo e da carne apresentam queda neste início de mês




Com preço do milho alcançando R$100/sc, não seria hora de buscar outra fonte de energia para as rações?




Preço do frango vivo recua sendo comercializado a R$4,90/kg na segunda semana do ano




Avicultura: Relação de troca na avicultura de postura é a pior da história


 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Disqus exige que voce se registre seu site. Voce pode fazer isso a partir de Registre-se
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp