28/01/2022 às 07h52min - Atualizada em 28/01/2022 às 07h52min

127 mil produtores rurais foram afetados pelo excesso de chuvas e 119 mil hectares de lavoura foram perdidos em MG

Ministra da agricultura garantiu que dívidas serão renegociadas e Emater-MG vai atuar elaborando laudos e orientando gratuitamente os produtores

Redação com assessoria
Emater-MG
-

Segundo o balanço atualizado da Emater-MG, 119 mil hectares de lavouras foram perdidos. A maior parte do prejuízo foi na produção de grãos (74,5 mil hectares) e hortaliças (3,4 mil hectares).


Os danos também foram sentidos na região metropolitana de Belo Horizonte, com foco na produção de hortaliças. As culturas com a maior área perdida foram a de alface (416 hectares), tomate (365 hectares) e quiabo (236 hectares).

 

O estudo apontou, ainda, que 127 mil produtores sofreram algum tipo de impacto na atividade por causa das chuvas e 416 municípios relataram perdas no campo durante o período chuvoso, o que corresponde a 48,7% do total do Estado.
 

Em reunião com a secretária de agricultura de Minas Gerais, Ana Valentini, e o presidente do Sistema Faemg, Antônio de Salvo, a ministra da agricultura Tereza Cristina disse que está acompanhando a situação de dificuldades que vêm sendo enfrentadas pelos produtores no estado. 


“De imediato vamos trabalhar na renegociação das dívidas. São várias demandas como o reparo de estradas vicinais e reconstrução de pontes e vocês podem contar com a nossa colaboração para colocar os agricultores mineiros de volta na atividade produtiva o mais rápido possível”, declarou.


 

Apoio ao produtor e Recupera Minas

 

O governo estadual lançou o Plano Recupera Minas, que destinará R$ 603 milhões em recursos estaduais para ações na área de infraestrutura e de suporte a pessoas e cidades afetadas pelos fortes temporais no estado.


O Plano conta com medidas imediatas ou de rápida implementação e foi elaborado após o governo ouvir as prefeituras e atingidos, mapear as principais demandas e realizar estudos que garantam a viabilidade das ações.



Emater-MG elaborará, gratuitamente, os laudos técnicos para agricultores familiares que precisem comprovar as perdas causadas pelas chuvas. Estas comprovações são essenciais para que os agricultores familiares consigam renegociar suas dívidas ou financiamentos, além de garantir acesso a seguros.

 

Os profissionais da empresa também vão elaborar projetos técnicos para os produtores que necessitem obter recursos junto aos agentes financeiros para recuperação de estruturas nas propriedades ou dos sistemas produtivos prejudicados pelas chuvas.
 

Outra ação da Emater-MG de apoio aos produtores rurais no Recupera Minas é a orientação sobre o recebimento do Garantia-Safra. Ele é um benefício do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) voltado a agricultores familiares da região do Semiárido.


O Garantia-Safra é pago aos agricultores inscritos, com renda mensal de até um salário mínimo e meio, com plantio entre 0,6 e 5 hectares, e que tiverem perdas comprovadas por estiagem ou excesso de chuva em lavouras de feijão, milho, arroz, mandioca e algodão. A estimativa é que cerca de 40 mil agricultores poderão ser beneficiados.

 

Os técnicos de campo da empresa também intensificaram o trabalho de assistência técnica nas propriedades, principalmente no controle fitossanitário das lavouras, necessário ao combate de doenças que surgem por causa da umidade.
 

LEIA TAMBÉM:


Saiba como pedir renegociação de dívidas pela seca


Sul de Minas: Floradas decepcionam e perspectivas da produção de café são pessimistas


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Disqus exige que voce se registre seu site. Voce pode fazer isso a partir de Registre-se
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp