27/12/2021 às 11h08min - Atualizada em 27/12/2021 às 11h08min

Esta é a maior "tragédia" na história recente da Bahia, afirmou o governador Rui Costa

Chuvas ocasionaram o rompimanto de 2 barragens e deixam 18 mortos, 19 mil desalojados e 72 municípios em emergência

Redação com assessoria
Reuters / BBC Brasil / Agência Brasil
-

Já são 72 municípios baianos considerados em situação de emergência por conta das enchentes (confira a lista no final da reportagem). O governo estima que a população já afetada de alguma forma pelas chuvas é de 430.869 pessoas.

Muitas cidades sob emergência estão no sul da Bahia, mas há também municípios nesta situação no oeste do Estado e nas regiões de Ipiaú, Gandu e Vale do Jiquiriçá.

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), afirmou acreditar que esta é a maior "tragédia" na história recente do Estado. Ele está em Ilhéus para a coordenação da resposta às chuvas.

"Já tivemos tragédias localizadas, mas com essa dimensão, não me lembro", afirmou, segundo comunicado divulgado à imprensa.


Há duas pessoas desaparecidas. São consideradas desalojadas 19.580 pessoas e 16.001, desabrigadas (segundo definição do governo federal, desalojados são aqueles que precisaram deixar suas casas e que não necessariamente precisam de abrigo; já os desabrigados são aqueles que precisam desse tipo de assistência).


Sul da Bahia tem 19 mil desabrigados por chuvas

Sul da Bahia tem 19 mil desabrigados por chuvas


Foto: Isac Nóbrega / Agência Brasil  


Barragens


Além disso, duas barragens cederam no estado após semanas de fortes chuvas, inundando os rios locais já cheios enquanto enchentes atingem cidades da região, disseram autoridades no domingo.

A barragem do Igua, no rio Verruga próximo à cidade de Vitória da Conquista, no sul da Bahia, rachou na noite de sábado, obrigando as autoridades a evacuar os moradores, principalmente na cidade de Itambé.

Uma segunda barragem deu lugar à elevação do nível das águas em Jussiape, 100 quilômetros ao norte, na manhã de domingo, trazendo mais alertas para os moradores se mudarem para locais mais seguros.

Não houve relatos de mortes ou ferimentos causados ​​pelas rupturas das barragens, embora pontes e estradas tenham sido danificadas.

 

Os governos do Maranhão, Ceará, Sergipe, São Paulo e Minas Gerais enviaram equipes, veículos e outros recursos para ajudar nos resgates na Bahia.

Confira abaixo a lista dos municípios considerados sob emergência por conta das enchentes no Estado:

Alcobaça

Anagé

Angical

Arataca

Aurelino Leal

Barra do Choça

Belmonte

Belo Campo

Brejolândia

Caatiba

Caetanos

Camacan

Canavieiras

Caravelas

Coaraci

Cotegipe

Dário Meira

Encruzilhada

Eunápolis

Firmino Alves

Floresta Azul

Gandu

Governador Mangabeira

Guaratinga

Ibicaraí

Ibicuí

Ibipeba

Ibirapuã

Igrapiúna

Iguaí

Ilhéus

Ipiaú

Itabela

Itabuna

Itagimirim

Itaju do Colônia

Itamaraju

Itanhém

Itapé

Itapebi

Itapetinga

Itapitanga

Itaquara

Itororó

Jequié

Jucuruçu

Jussiape

Lafaiete Coutinho

Lajedão

Macarani

Manoel Vitorino

Marcionílio Souza

Medeiros Neto

Milagres

Mucuri

Nova Viçosa

Pau Brasil

Poções

Porto Seguro

Prado

Santa Cruz Cabrália

Santa Inês

Santanópolis

Sapeaçu

Teixeira de Freitas

Ubaíra

Ubatã

Uruçuca

Valença

Vereda

Vitória da Conquista

Wanderley

 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Disqus exige que voce se registre seu site. Voce pode fazer isso a partir de Registre-se
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp