15/07/2021 às 09h03min - Atualizada em 15/07/2021 às 09h03min

Evento Minas Láctea começa hoje, acesse já!

Programação, totalmente on-line está disponível para produtores rurais de todo Brasil

Redação com assessoria
Epamig

-
O Minas Láctea 2021, promovido pela Empresa Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), por meio do Instituto de Laticínios Cândido Tostes (ILCT), teve início nesta terça-feira, 13 de julho. Os cinco eventos que integram a versão presencial, realizada a cada dois anos, em Juiz de Fora (MG), estão representados nesta edição que é totalmente on-line.

A programação técnica, composta pelo 34º Congresso Nacional de Laticínios e pela 40ª Semana do Laticinista, segue com atividades até a quinta-feira, 15 de julho, para participantes previamente inscritos. No espaço Milk Play, acessível neste link, é possível assistir a cinco comunicados técnicos e 14 vídeos do quadro “Dica do Professor”, que traz curiosidades apresentadas por docentes do ILCT, como, por exemplo, uma receita de queijo mascarpone caseiro, formas de armazenar queijos artesanais em casa e queijos na geladeira, dentre outros.

A Exposição de Máquinas, Equipamentos, Embalagens e Insumos para a Indústria Laticinista (Expomaq) e a Exposição de Produtos Lácteos (Expolac), contam com 57 estandes virtuais para a apresentação de maquinários, tecnologias, ingredientes e produtos derivados do leite. O acesso é gratuito e as exposições ficam disponíveis até o mês de outubro. “Temos uma expectativa bastante positiva para esta edição virtual, que é a primeira do Minas Láctea. Percebemos esse otimismo também por parte dos expositores, que querem intensificar suas redes de contato durante o evento”, afirma o coordenador de Negócios, Antônio Nunes.

O Concurso Nacional de Produtos Lácteos não está sendo realizado, em função das medidas de distanciamento ainda necessárias para o combate à pandemia. Em seu lugar, foi realizado na segunda-feira (12), o Fórum de Juízes, o primeiro de uma série de eventos para debater propostas e critérios de avaliação a serem adotados nas próximas edições.

“Nesse primeiro encontro, fizemos um levantamento dos temas que serão tratados, possibilidade de inclusão ou exclusão de categorias, atributos a serem avaliados e fichas de avaliação, criação de um novo grupo de juízes. Até o fim do ano, vamos nos reunir com cada um dos grupos de árbitros para discutir os critérios e especificidades de cada categoria”, informa o pesquisador Fernando Magalhães, que junto com o pesquisador Paulo Henrique Costa Paiva, coordena o Fórum e o Concurso.

Inovação

Também integram a programação eventos dedicados à inovação na cadeia laticinista. Na manhã da terça-feira (13/7), foi lançado o Sistema Inovalácteos, projeto de aceleração de startups, coordenado pela Agência de Inovação Polo do Leite, com o apoio do Governo de Minas, por meio das secretarias de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) e de Desenvolvimento Econômico (Sede), com recursos da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig).

Já nos dias 14 e 15 de julho, de 9h às 12h, será realizado o Hub Conecta Leite, que vai reunir pesquisadores, startups e empresas para discutir soluções, inovações e projetos para o setor. O evento também é promovido por Seapa e Sede, em parceira com a Epamig, com o Sindicato das Indústrias de Laticínios (Silemg) e com as federações da Agricultura e Pecuária (Faemg) e das Indústrias (Fiemg).

Gincana Solidária

O Minas Láctea conta, ainda, com uma atividade destinada aos alunos da Epamig/ILCT. A Gincana Solidária, que envolve oito equipes de até cinco alunos do Curso Técnico em Leite e Derivados, vai arrecadar alimentos, em especial leite UHT e leite em pó, e recursos para serem doados a entidades filantrópicas de sete municípios brasileiros. O encerramento será na quinta-feira, 15 de julho.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se você é produtor rural, qual a sua principal atividade agrícola?

10.7%
6.0%
7.7%
3.4%
8.1%
29.9%
6.4%
11.5%
4.7%
2.6%
6.0%
3.0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp