22/06/2021 às 15h16min - Atualizada em 22/06/2021 às 15h16min

Aprenda a fazer o Adubo bokashi em casa e obtenha uma excelente produtividade na sua horta

Siga o passo-a-passo e veja o fantástico resultado que este adubo orgânico trará para sua horta em vaso ou canteiro

Emerson Luis de Mesquita
Embrapa / Epagri SC
-
O bokashi é um dos adubos mais recomendados para quem está iniciando em um cultivo de horta ou jardim, o termo bokashi, significa “composto orgânico” em japonês.
 
Ele é um composto altamente nutritivo que melhora as condições biológicas do solo e a disponibilidade de nutrientes para as plantas. Ele é feito a partir da mistura de farelos e microorganismos que provocam a fermentação, transformando o material em um adubo muito usado na agricultura orgânica.
 
Além disso, ele tem baixo custo e é produzido a partir de uma mistura de materiais como farelo de arroz, esterco, melaço, pó de rocha e um inoculante constituído por microrganismos eficazes do solo, que podem ser coletados na propriedade, na mata ou no bambuzal.
 
Ele é feito a partir da mistura de farelos e microorganismos que provocam a fermentação, transformando o material em um adubo muito usado na agricultura orgânica.
 
O composto pode ser feito de duas formas:

 
Aeróbica – Quando se prepara ao longo de cerca de uma semana, revirando o composto todos os dias.

Anaeróbica (sem ar) – Quando ele é produzido ensacado ou em bombas. Neste segundo caso, não é necessária a manutenção de revirar a terra, mas o processo demora em média vinte dias.
 
Confira assa excelente receitas retiradas do livro “Novas técnicas agrícolas japonesas”, de Kunio Nagai e Akira Kishimoto:
 
 
INOCULANTE PARA ADUBOS
 
A primeira coisa a fazer é preparar o inoculante que é utilizado na fermentação do adubo, para isso você precisa seguir a receita:
 
Modo de preparo:
 
– Em um cocho de bambu cortado ao meio, preencha até a metade com arroz sem sal, cozido apenas na água.

– Feche o cocho com a parte superior do bambu, amarre com arame, elástico ou barbante e coloque-o no bambuzal ou na mata, no solo, em meio às folhas secas caídas.

– Proteja a área com uma tela de arame para evitar o ataque de animais.

– Em período muito seco, convém umedecer o solo onde será colocado o cocho.

– Deixe o cocho no local por 3 a 5 dias, dependendo da temperatura ambiente. Após alguns dias, haverá no arroz bolor branco, rosa, verde, amarelo, etc. O bolor de cor negra deve ser eliminado.

– Coloque o arroz embolorado em um balde de 5 litros com água de poço e acrescente 500 gramas de açúcar mascavo (ou melaço) ou meio litro de caldo de cana.

– Depois de cinco dias, coe o inoculante e ele está pronto para ser usado.

Armazene o líquido em vasilhames bem limpos e secos, isentos de contaminantes, tomando cuidado para deixar a tampa com folga para a saída de ar provocada pela fermentação.

 
ADUBO BOKASHI



 

Ingredientes para produção de 10 quilos:
 
– 4,5 kg de farelo de arroz
– 2,5 kg de esterco de poedeira ou farelo de mamona, soja, farinha de chifre
– 2, 5 kg de farinha de osso, fosfato natural, Biorin ou termofosfato
– 500 gramas de pó de rocha
– 60 gramas de melaço ou açúcar mascavo
– 100 Ml de inoculante (coletado de acordo com a receita anterior)
– 3 a 4 litros de água (sem cloro), dependendo da umidade dos ingredientes

Modo de preparo:
 
1 - Misture os ingredientes de forma mais uniforme possível.

2 - Umedeça a mistura com água até atingir 50% de umidade: quando se aperta um punhado da mistura, ele fica moldado, sem escorrer água entre os dedos, e se desmancha facilmente ao ser tocado.

3 - O monte deve ser coberto com sacos de aniagem para conservar o calor e evitar o ressecamento da superfície nos primeiros dias.

4 - Haverá elevação da temperatura pela fermentação aeróbica, e quando o monte atingir 50-60°C, deverá ser revirado. Pode ser necessário revirar mais de uma vez por dia, dependendo da temperatura ambiente.

Quando a fermentação termina, a temperatura se estabiliza, o que ocorre depois de sete dias.

Modo de aplicação:
 
A dosagem de aplicação do bokashi varia conforme o tipo e solo e a cultura, mas pode ser usada uma base de 100 a 500 gramas por metro quadrado.
 
Quando está com umidade de 12%, o adubo pode ser ensacado e armazenado por até seis meses.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se você é produtor rural, qual a sua principal atividade agrícola?

11.2%
5.8%
8.0%
3.6%
8.0%
31.2%
6.7%
11.2%
4.0%
2.7%
4.5%
3.1%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp