23/03/2021 às 12h35min - Atualizada em 23/03/2021 às 12h35min

Aprenda como plantar acelga - com passo a passo e dicas

A acelga é rica em vitaminas e minerais, além de diversas substâncias antioxidantes com propriedades anti-inflamatórias, anticancerígenas e hipoglicêmicas. Pode ser consumido cru ou cozido e adicionado a diversos pratos.

Emerson Luis de Mesquita
Embrapa
-
A acelga é um vegetal de folhas verdes, encontrado desde o Paquistão até o Mediterrâneo, este vegetal caracteriza-se por ser rico em fibras insolúveis, que ajudam a regular a função intestinal e a manter a saúde do sistema digestivo, evitando problemas como prisão de ventre, por exemplo
 
A planta possivelmente desembarcou no Brasil nos navios portugueses, já que na Europa ela era consumida desde o século XVIII.
 
Prefere temperaturas amenas, apesar de tolerar bem as temperaturas mais elevadas, em climas frios ela suporta leves geadas.

Deve ser regada sempre, pois prefere solos úmidos, mais não encharcados.
É uma planta bianual, sem fruto comestível. Apresenta grandes folhas com forma oval, em roseta, com talos longos, firmes e largos. As folhas, cuja cor varia conforme a espécie, são brilhantes e apresentam, em geral, coloração verde ou vermelha, em diversas tonalidades. É consumida crua ou refogada e é muito utilizada no preparo de saladas.


 

Dados gerais
 
Espécie: Acelga (Beta vulgaris cicla).

 
Época de Plantio: A época ideal para o plantio da Acelga é na Primavera ou no Outono, já que ela aprecia o clima ameno, com temperaturas entre 16°C e 18°C. Ela também pode ser cultivada tanto em clima mais frio, sendo resistente a baixas temperaturas e geadas leves, quanto em clima mais quente.

Solo: O solo deverá ser rico em nutrientes, de textura média, e preferência com PH a rondar 6,5. Além disso, deve ter boa drenagem e capacidade de reter água. Esta hortaliça gosta de umidade suficiente, mas nunca encharcada, em local bem exposto ao sol ou sombra parcial.

Clima: Ameno, com temperaturas entre 16°C e 18°C.

Colheita: A colheita cerca de 60 após a semeadura.

 
Área mínima: Deve ser plantada em canteiros, sendo semeada diretamente neles ou através de mudas produzidas em copinhos plásticos de 200ml ou outros recipientes disponíveis. Quando a muda atingir aproximadamente 15cm ser plantadas em local definitivo.

 

LEIA TAMBÉM:

Aprenda a fazer o Adubo bokashi em casa e obtenha uma excelente produtividade na sua horta

 

Aprenda como plantar repolho - com passo a passo e dicas para plantar em vaso ou na horta


 
PLANTANDO:
 
1 - Preparo da terra
 
- Os canteiros devem ser cavados até a profundidade de 15cm a 20cm, quebrados os torrões e catadas as pedras, raízes, cacos de telhas, entre outros.


 


Construção de Canteiro / Foto: Centrac

 

- Os canteiros devem ser adubados cerca de 15 a 20 dias antes do plantio definitivo. Sugere-se incorporar ao canteiro esterco curtido de bovino (10 litros por metro quadrado de canteiro), esterco curtido de galinha (05 litros por metro quadrado de canteiro);




Foto: www.emporiodassementes.com

 


2 - Semeio

- Pode ser plantada diretamente no local permanente (canteiro) ou em sementeiras para produção das mudas. As sementes podem ser deixadas em um recipiente com água por 24 horas para facilitar a germinação.

- No caso de plantio direto no local definitivo, caso faça um buraco de 2,5cm na terra e coloque duas sementes, e lembre-se de respeitar o espaçamento mínimo de 20cm metro entre plantas e de 70cm entre linhas. As sementes germinam entre 7 e 14 dias após plantadas.

- Se optar por produzir as mudas, estas podem ser feitas em sementeiras ou em copinhos plásticos de 200ml. Quando a planta atingir entre 15cm, e tiverem cerca de 6 folhas por planta, podem ser replantadas em local definitivo.


 


Foto: Diversos recipientes usados como sementeira / youtube.com

 
Em caso de replantio, deve-se observar:

a) irrigar com pouca água por 3-5 dias antes da data do transplante, para maior rusticidade das mudas; b) irrigar o local definitivo de plantio antes do transplante para evitar estresse das mudas; c) escolher preferencialmente dias nublados ou o fim da tarde de dias ensolarados para efetuar o transplantio; d) não podar folhas e raízes, para evitar a transmissão de patógenos. (Embrapa 2007)

 
3 - Adubação

- Os canteiros devem ser adubados cerca de 15 a 20 dias antes do plantio definitivo. Sugere-se incorporar ao canteiro esterco curtido de bovino (10 litros por metro quadrado de canteiro), esterco curtido de galinha (05 litros por metro quadrado de canteiro);

- Sugere-se fazer 2 aplicações de cobertura com NPK.



 


Foto: Google 

 
NPK é a sigla para Nitrogênio (N), Fósforo (P) e Potássio (K), os três principais nutrientes para a vida das plantas, também chamados de macronutrientes. É justamente pela sua importância para qualquer tipo de vegetal que esses três elementos são os mais comuns na maioria dos fertilizantes.  


4 - Controle de pragas e doenças

- Para que você possa manter suas hortaliças livres de pragas e doenças de, disponibilizamos o link do 
Guia da Embrapa que ajuda na identificação de pragas em cultivos de hortaliças e indica inimigos naturais, baixe grátis clicando:


 
https://terraenegocios.com/noticia/140/guia-ajuda-na-identificacao-de-pragas-em-cultivos-de-hortalicas-e-indica-inimigos-naturais-  
 
 
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se você é produtor rural, qual a sua principal atividade agrícola?

10.7%
6.0%
7.7%
3.4%
8.1%
29.9%
6.4%
11.5%
4.7%
2.6%
6.0%
3.0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp